Crónicas
Sociedade Recreativa
Guitarras
por Fernando Sobral
Nas últimas décadas, Marr construiu o seu próprio universo musical.
  • Partilhe
SÁBADO 30 JUNHO - 00H
Desde que acabaram os Smiths que Johnny Marr, guitarrista abençoado, surge quando calha, como um cometa. E ilumina as nossas noites. Muitos dos fãs dos Smiths (a aliança perfeita entre Morrissey e Marr para criar as mais belas canções pop) continuam a pensar nele como o guitarrista que criava as melodias que cercavam as letras do poeta de cantor.

E esquecem-se que, nestas últimas décadas, Marr construiu o seu próprio universo musical, de que o novo álbum é um exemplo. ‘Call the Comet’ é apenas o seu terceiro álbum a solo, mas ele tem-se desdobrado em inúmeras colaborações musicais, expandindo as fronteiras do seu som distinto. E ainda bem que o tem feito: este registo mostra a qualidade da sua criatividade.

Este é o melhor dos seus discos a solo e se ele não tem as qualidades vocais de muitos dos que deram a voz a criações suas, há aqui um estilo muito próprio que se adapta à sua guitarra electrizante. Há um tema que marca o disco, ‘A Different Gun’, escrita sobre o ataque terrorista de Nice de 2016 e que estava a ser gravada na noite do ataque de Manchester.

Não é raiva que o move. É antes um sentimento de solidariedade com as vítimas, de envolvência emocional, algo que está sempre presente nas suas melodias.

Marr cerca-nos com emoções e cativa-nos para o seu mundo. Há também espaço para temas quase neo-punks, como ‘New Dominions’ e em certos momentos ele parece mesmo querer mostrar que a guitarra que forja a beleza também é capaz de criar a fealdade, como em ‘Rise’ e em ‘Hey Angel’.

A sua guitarra continua a ser a de um anjo na Terra.
Ler mais tarde
A notícia foi guardada na sua lista de notícias favoritas. Faça a gestão dessa área na sua conta.
Partilhe
0
Comente
0
mais crónicas de
Sociedade Recreativa
horóscopo
EM DESTAQUE
ESCORPIÃO
23 OUTUBRO - 22 NOVEMBRO
OUTROS SIGNOS
a ferver
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina