Miguel Layún faz relato emotivo da sua luta contra o cancro

O ex-jogador do FCPorto revela que foi sujeito a uma cirurgia nos últimos dias para retirar um tumor maligno.
Miguel Layúm
Miguel Layúm
09 jun 2019 • 12:57
Miguel Layún, jogador que representou o FCPorto entre 2015 e 2018, anunciou através das redes sociais que foi submetido a uma intervenção cirúrgica para retirar um tumor maligno. Uma notícia inesperada que levou a que o o craque não fosse convocado para a seleção mexicana, para disputar a Gold Cup.

O craque revelou como descobriu a doença durante um exame de rotina: "Disseram-me que tinham encontrado um quisto complexo mas durante essa semana o médico ligou-me para pedir que fizesse outro exame".

"Começou a surgir a dúvida de que não era um quisto mas sim um tumor, mas quando se falam na palavra tumor e que pode tratar-se de um cancro, a coisa não se percebe da mesma maneira. Era um tumor maligno, estávamos a falar de um cancro", relatou o agora jogador do Monterrey.

"Teve de ser removido e, graças a Deus, posso dizer que tive cancro mas estou curado. Ontem fiz o último exame para saber se o cancro estava ultrapassado a 100 por cento e agora falta apenas mais um para regressar", acrescentou.

Miguel Layún fez questão de agradecer aos médicos e à família todo o apoio ao longo desta fase díficil e já pensa dar o seu contributo para que haja outros finais felizes em casos semelhantes

artigos relacionados
Newsletter
topo